Novas Versões a Harry Potter – J.K. Rowling

A autora da série Harry Potter, J.K. Rowling, pensa em escrever novas versões para a série.

Depois do lançamento do seu mais novo livro, The Casual Vacancy, diz em entrevista com a BBC, que escrevera dois livros da série Harry Potter as pressas, um no começo e outro no final.

”Eu os reli e pensei: ‘Oh, Deus, talvez eu faça uma versão de diretor, não sei’.”

”Mas tenho orgulho de ter escrito nas condições em que escrevi, ninguém jamais saberá o quanto foi duro.”

Acrescentou que não pensa em dar um outro nome a série. ”Foi como um assassinato dizer adeus (a Harry Potter). No que diz respeito a Harry, já deu para mim. Se eu tivesse uma ideia fabulosa que saísse daquele mundo, como eu adoro escrever sobre ele, eu o faria.” Que para isso teria que ter novas ideias, e não só juntar trechos do que já se tem  e dizer: ‘vamos lá, vamos vender isso’, pois seria debochar com o que os livros realmente representam a ela.

J.k. Rowling é uma das editoras mais famosas reconhecida pelos quatro cantos do mundo, título alcançado graças ao sucesso da série Harry Potter, que já obteve cerca de 450 milhões de cópias vendidas mundialmente.

The Casual Vacancy, novo livro da autora  J.K. Rowling, que está sendo lançado na Grã-Bretanha, é um livro voltado a adultos com assuntos “pesados” como  envolvimento com drogas e sexo adolescente. O desenvolvimento da história ocorre em uma das pequenas cidades inglesas onde são divididas pela sociedade e estão sucumbidas por preconceito, ódio e exclusão social: ”É um livro muito pessoal, que fala de coisas sobre as quais penso muito a respeito. É pessoal no sentido de que lida com problemas que afetaram a minha vida em um sentido muito real, como pobreza, por exemplo.”.

Questionada em sua entrevista se algumas experiencias vividas pelos seus personagens, são meras espelhações de sua vida pessoal, diz: ”não gostaria de entrar muito nisso”, mas acrescenta já ter tido problemas de saúde mental durante sua adolescência depressão e ansiedade.

J.k. Rowling, ainda teve dificuldades em manter sua privacidade, sentindo-se assim ameaçada por jornalistas. Ao endereço de sua moradia se tornar público, a autora teve de mudar-se de residência. Essas declarações tornaram-se públicas, depois de que um inquérito foi aberto, devido aos procedimentos da imprensa da Grã-Bretanha .

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s